Messias passou por Espírito Santo

PALÁCIO ANCHIETA

A minha primeira visita a bela capital do Estado do Espírito Santo, Vitória, aconteceu em março de 2018. Fiquei hospedado na região central da capital capixaba. A minha percepção é de uma cidade que recebe poucos turistas, pois faz parte da região Sudeste, no Brasil, que contém as conhecidas São Paulo (SP) e Rio de Janeiro (RJ) e Belo Horizonte (MG).  O grande diferencial é que Vitória, com Florianópolis (SC) e São Luís (MA), faz parte das três capitais de estados brasileiros localizada em ilhas.

O centro de Vitória (ES) é pequeno, possui ruas estreitas e muitas ladeiras. A cidade não possui vida noturna agitada. Os estabelecimentos comerciais fecham cedo, por exemplo, os supermercados fecham por volta das 20h e não abrem aos domingos. A região central é composta por muitos prédios residenciais.

A minha dica cultural é conhecer a Catedral Metropolitana de Vitória, na Praça Dom Luiz Scortegagna, na Cidade Alta, um dos bairros mais antigos da cidade. Ela foi erguida quase no mesmo local da primitiva Matriz, conhecida como Igreja de Nossa Senhora de Vitória, de estilo colonial, que teve início sua construção em 1551, quando Vitória ainda se chamava Vila Nova. Já construção da Catedral teve início em 1920. Porém, somente foi concluída na década de 70. O destaque é sua bela arquitetura eclética com características neogótica.

CATEDRAL

FOTO: Catedral Metropolitana de Vitória

A sede do governo capixaba, o Palácio Anchieta, no bairro Cidade Alta, de frente com Porto de Vitória, também é uma ótima opção cultural na região central.  Durante a semana, somente é possível visitar o térreo. No fim de semana, os turistas tem acesso aos andares superiores.  O local foi construído pelos padres jesuítas, no século XVI. Até 1760, abrigou o Colégio de São Tiago. Desde o século XVIII é utilizado como sede do Governo, sendo uma das sedes de governo mais antigas do Brasil. O Palácio Anchieta guarda o túmulo simbólico do padre José de Anchieta.

A minha dica esportiva é uma caminhada pela orla das praias de Vitória, começando na praia Curva da Jurema. Trata-se de uma região que concentra os bairros nobres e possui boa infraestrutura.

CURVA DA JUREMA

FOTO: Curva da Jurema, em Vitória

William Messias é jornalista e estudante de psicologia. Seu blog Olhar do Messias é um convite para o internauta visitar todas as capitais do Brasil, cidades históricas e apreciar o ecoturismo, além de conhecer lugares exuberantes por meio de suas dicas culturais e esportivas.